395 pessoas infectadas por salada do McDonald’s nos EUA

Postado em 03/08/2018 17:50 - Atualizado em: 03/08/2018 17:50
Share Button
© Divulgação

A Ciclosporíase é uma infecção causada pelo protozoário Cyclospora, transmitida por alimentos e água contaminados com fezes.

Ao todo 395 pessoas foram infectadas por surto de Ciclosporíase contraído em saladas do McDonald’s. Segundo as autoridades do governo norte-americano responsável pela investigação do caso, surto começou em maio e desde então 19 pessoas foram hospitalizadas com forte infecção em 15 estados dos EUA.

A Ciclosporíase é uma infecção causada pelo protozoário Cyclospora, transmitida por alimentos e água contaminados com fezes. Segundo o centro de controle de doenças e prevenção dos EUA, os pacientes infectados podem enfrentar falta de apetite, vômitos, náusea, fadiga, febre e fortes dores no corpo. Ainda segundo os especialistas a doença pode durar alguns dias, o paciente sente uma melhora, e os sintomas voltam piores depois, a ciclosporíase pode ser tratada com antibióticos.

As autoridades do FDA (US Food and Drug Administration) afirmam que um pacote não utilizado de uma salada fresca de alface e cenoura que foi distribuído para o McDonald’s deu positivo para a presença da Cyclospora, embora tenha passado da data de expiração do dia 19 de julho.

Segundo a CNN, o McDonald’s afirmou que já retirou todo o mix de saladas dos restaurantes atingidos pelo surto de ciclosporíase, e substituiu com um novo fornecedor.

Share Button