Alcolumbre: ‘não há mais clima’ para votar indicação de André Mendonça após pedido de impeachment

Presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e advogado-geral da União, André Mendonça (Foto: Agência Brasil)

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Davi Alcolumbre, afirmou que, diante da ofensiva de Jair Bolsonaro contra o Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo o impeachment do ministro Alexandre de Moraes, não vai mais pautar a indicação de André Mendonça ao STF.

Segundo o jornal O Globo, Alcolumbre avaliou que “não há mais clima” para que a indicação feita por Bolsonaro entre na pauta do Senado. “Se Bolsonaro não respeita o Supremo, não tem condições de cobrar celeridade para a indicação”, afirmou Alcolumbre.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, afirmou que é contra o impeachment do ministro Alexandre de Moraes. Pacheco disse que não antevê motivos para o impeachment do ministro, e nem do próprio Bolsonaro. “Não vamos nos render a nenhum tipo de investida que seja para desunir o país. Contem comigo para união, não divisão… não antevejo elementos para impeachment de ministro do STF nem do presidente”, afirmou.

Fonte: Brasil 247