Marcelinho Veiga diz que Rui Costa decide pleito no primeiro turno

Postado em 24/08/2018 15:44 - Atualizado em: 24/08/2018 15:44
Share Button

As pesquisas divulgadas essa semana sobre a corrida pelo Palácio de Ondina colocam o atual governador e candidato à reeleição, Rui Costa (PT), na liderança com 50% das intenções de votos e com 40% de aprovação de governo. Esses levantamentos deixaram o cenário político pré-definido, conforme o candidato a deputado estadual, Marcelinho Veiga (PSB), durante agenda no sudoeste da Bahia. Veiga esteve em visita à sua base política nos municípios de Cândido Sales, Anagé e Maetinga, além de realizar reunião em Vitória da Conquista com o diretor regional da Embasa na última quinta-feira (23).

“Não tem nada ganho, mas o cenário está definido. Depois da desistência do líder da oposição, o prefeito de Salvador ACM Neto [DEM], o caminho ficou aberto para Rui Costa. As suas propostas são de interesse social e tem o povo como foco principal. Isso é uma particularidade da gestão dele e vamos atuar para fortalecer ainda mais seu governo na Assembleia Legislativa da Bahia [Alba]. A ideia é ter mais políticas públicas, mais ações de acesso à água e à energia elétrica para a zona rural, além de impulsionar a produção de alimentos em diferentes regiões com investimentos em agricultura familiar”, detalha Veiga ao lado do candidato a deputado federal, Marcelo Nilo (PSB).

O candidato a uma vaga na Alba cumpre agendas em diferentes regiões da Bahia e visita suas bases políticas para traçar estratégias e definir ações de campanha. Nas cidades de Cândido Sales, Anagé e Maetinga, Marcelinho Veiga definiu a linha de atuação e defendeu as candidaturas de Rui Costa para governo, de Jaques Wagner para Senado, e de Lula para a presidência da República. “A Bahia vai, novamente, intervir na eleição nacional. Não só o estado baiano como toda a região do Nordeste”, completa.

Vitor Fernandes

Share Button