Mensagem do Papa a Lula humilha golpistas

Postado em 03/08/2018 16:21 - Atualizado em: 03/08/2018 16:21
Share Button

Por Eduardo Guimarães, no Blog da Cidadania:

O ex-chanceler Celso Amorim reuniu-se com o Papa Francisco. Na reunião, informou os abusos da ditadura midiático-judiciária-militar contra Lula e a farsa encenada pela mídia antipetista para esconder o apoio do Sumo Pontífice ao ex-presidente. O Papa enviou agora mensagem por escrito a Lula e, assim, desferiu um golpe mortal nos golpistas.

A notícia surgiu no dia 11 de junho de 2018 e se tornou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais naquele dia. De acordo com as manchetes, Juan Grabois, assessor do papa Francisco para assuntos de Justiça e Paz, entregou ao ex-presidente preso um rosário enviado pelo papa Francisco.

O fato foi noticiado pelo perfil oficial do ex-presidente no Twitter:

Nesse momento, teria início uma guerra de versões e desmentidos da mídia, com a ajuda de setores conservadores do Vaticano, para tentar desmentir que o papa enviou o rosário a Lula.

O site Vatican News, ligado à secretaria de comunicação do Vaticano, mas que não é o órgão de imprensa oficial do Vaticano – o site oficial do Vaticano é o Observatório Romano –, divulgou uma versão mentirosa do envio do rosário a Lula.

No dia seguinte à publicação da nota afirmando que Grabois não visitou o ex-presidente em nome do papa, o site Vatican News apagou o texto anterior e divulgou outra nota explicando que “se enganou” e que o advogado argentino Juan Gabrois é consultor de uma área que agora faz parte do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral.

Toda a mídia antipetista apressou-se em divulgar que era “fake news” que o Papa tivesse enviado um terço e sua solidariedade a Lula.

Devido ao fato de que ficou comprovado que o assessor do papa foi, sim, levar um rosário especificamente para Lula, a agência de checagem chamada “Lupa” emitiu um comunicado dizendo que havia retirado a classificação de “fake news” nas notícias de sites e canais do YouTube como o Blog da Cidadania sobre esse assunto.

O apoio do papa a Lula já havia ficado claro em matéria publicada na Folha de São Paulo que mostrava que o Sumo Pontífice havia criticado o uso do Poder Judiciário e da mídia para dar golpes de Estado e prender políticos de oposição, como ocorreu com Lula.

Enfim, quase dois meses depois, um fato deixa claríssimo quem falou a verdade e quem mentiu naquele episódio. E, desta vez, para impedir a mídia de mentir, foram divulgadas fotos e documentos provando o apoio do papa a Lula.

Na manhã desta quinta-feira 2 de agosto, o site do Instituto Lula divulgou que o ex-ministro da Defesa e Relações Exteriores Celso Amorim se encontrou com o Papa Francisco para discutir a situação política e jurídica do caso Lula, do Brasil e da América do Sul.

À saída, Amorim divulgou um vídeo em que explica sua conversa com o papa, que você verá na reportagem em vídeo, ao fim do post.

Além disso, no período da tarde de 2 de agosto de 2018, a página de Lula no Facebook divulgou reprodução de MENSAGEM DO PAPA FRANCISCO A LULA POR ESCRITO E ASSINADA.

Diz a mensagem em espanhol:

“A Luiz Inácio Lula da Silva, con mi bendición y pidiendole que ores por mi”

Tradução:

“A Luiz Inácio Lula da Silva, com minha benção e pedindo que ore por mim”

Como a mídia não pode mais contestar que até o papa apoia Lula, só lhe restará esconder a notícia.

Share Button