MPF nega pedido de Flávio Bolsonaro para mudar data de acareação sobre suposto vazamento de operação

© AP Photo / Leo Correa

O Ministério Público Federal (MPF) negou a solicitação do senador Flávio Bolsonaro que pedia para alterar a data da acareação entre o parlamentar e o empresário Paulo Marinho.

A ação faz parte da investigação do suposto vazamento da operação Furna da Onça.

O empresário disse que ouviu do próprio Flávio Bolsonaro que um delegado da Polícia Federal vazou informações da operação. O filho do presidente nega.

A Furna da Onça investigou esquemas de corrupção na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e produziu um relatório no âmbito da operação que pontou movimentação financeira suspeita do ex-assessor dele na Alerj, Fabrício Queiroz.

A acareação entre Flávio Bolsonaro e Paulo Marinho está marcada para o dia 21 de setembro, no Rio de Janeiro. As informações foram publicadas nesta segunda-feira (7) pelo portal G1.

A defesa do senador alega que, por lei, parlamentares têm direito de marcar dia, local e hora para seus depoimentos.

 

Sputnik Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui