Rússia vê sinais de que governo Biden quer diálogo sobre cibersegurança

© CC BY 2.0 / Yuri Samoilov

A Rússia pode ver alguns indícios de que o novo governo dos EUA esteja interessado em um diálogo sério sobre segurança cibernética.

A informação foi dada por Andrei Krutskikh, diretor do departamento de segurança da informação internacional do Ministério das Relações Exteriores da Rússia à Sputnik, nesta terça-feira (26).

“Acho que a segurança cibernética ou, pelo menos, a construção de um entendimento mútuo com os EUA [neste campo] não é apenas nossa prioridade, mas também de Washington, uma vez que seja deixada de lado toda a ideologia norte-americana. Estamos recebendo alguns indícios de que os EUA terão interesse em estabelecer rapidamente um diálogo sério conosco”, disse Krutskikh.

Em paralelo a isso, a inteligência norte-americana está realizando uma revisão, tratada como prioritária pelo presidente Biden, das supostas atividades “adversárias” russas, segundo a porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki.

​”Esta [avaliação] está em andamento […] É uma prioridade, evidentemente, queremos que esta revisão seja concluída. Como sempre acontece, o presidente tem o direito de responder no momento e da forma que desejar. Não vou descartar nenhuma das opções na mesa”, afirmou Psaki.

A iniciativa foi revelada pela Casa Branca na semana passada e consiste em uma avaliação completa da suposta participação russa no ataque cibernético contra a empresa SolarWinds, nas eleições norte-americanas e no suposto envenenamento do ativista de oposição russo Aleksei Navalny, entre outros.

 

Fonte: Sputnik Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui