Tribo síria expulsa aliados dos EUA de área no leste da Síria

Foto: Reprodução HISPANTV

Tribos sírias conseguiram expulsar milícias apoiadas pelos EUA de outra região da província de Deir Ezzor, no leste do país árabe.

Conforme relatado pela agência de notícias Sputnik , a cidade de Yadid Aqidat, localizada na parte leste de Deir Ezzor, se tornou palco de violentos confrontos entre combatentes tribais e as chamadas Forças Democráticas da Síria (SDF) na terça-feira, após que este último agrediu os moradores daquela cidade e prendeu vários civis.

Indignados com este ataque, membros da tribo árabe Aqidat lançaram ataques coordenados contra postos SDF, capturando vários de seus milicianos e, em seguida, forçando os outros a deixar seu território.

Fontes acrescentaram que um dos residentes da cidade de Yadid Aqidat, chamado Nayef Al-Hussein, ficou gravemente ferido durante os confrontos.

A tribo Aqidat anteriormente assumiu o controle total da cidade depois que as tropas FDS se retiraram brevemente da área devido a ataques de combatentes locais; no entanto, ele perdeu o controle da cidade quando as milícias voltaram à área com o apoio das forças americanas.

Moradores das províncias sírias de Deir Ezzor e Al-Hasaka (nordeste), entre outras regiões, têm denunciado repetidamente os contínuos ataques e prisões perpetrados por aliados dos EUA e a instabilidade que eles criam, pois afetaram negativamente em seus negócios e meios de subsistência.

Neste contexto, os líderes das tribos árabes do país levantino pediram ao Governo sírio que forme “um exército tribal” para fazer face à presença das tropas “ocupantes” dos EUA e dos seus seguidores em solo sírio.

Apesar de tudo isso, Washington continua a apoiar esses milicianos e envia-lhes constantemente comboios militares, equipados com suprimentos militares e logísticos, sob o pretexto de lutar contra o grupo terrorista Daesh.

Damasco denuncia o posicionamento militar dos Estados Unidos em seu solo e garante que  o Exército Sírio expulsará todas as tropas de ocupação, inclusive as americanas. Ele também acusa a SDF e as forças dos Estados Unidos de terem cometido todos os tipos de crimes contra o povo sírio nas províncias de Al-Hasaka, Al-Raqa, Deir Ezzor e Aleppo.

 

HISPANTV

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui