Juazeiro
Sábado , 25 de Outubro de 2014
Postado em 05/05/2010 ás 05:38

Prefeitura de Juazeiro lança Campanha para redução de acidentes de trânsito

 
Todos por um trânsito mais saudável
Por Vânia Castro/Sesau “Saúde no trânsito, nossa atitude faz a diferença”, foi com este lema que o prefeito Isaac Carvalho, secretários municipais, vereadores, equipe de governo, profissionais de saúde, representantes do Detran e proprietários de revendas de motos da cidade, apresentaram para a comunidade nesta segunda-feira (26), na Orla de Juazeiro, a Campanha Municipal para redução dos acidentes no trânsito envolvendo motociclistas. A Campanha será promovida em conjunto pelas Secretarias de Saúde, Educação e Defesa Social, além de parceiros como o Detran, Corpo de Bombeiros, Polícias Militar, Civil, dentre outros. “Já estamos vivendo uma nova fase em Juazeiro, rumo à redução dos acidentes no trânsito. É preciso fazer algo e esta ação depende da parceria e interesse de alguns representantes de órgãos da cidade. Vários fatores contribuem para que este número seja alarmante, pois circula no município uma média de 28 mil motociclistas. O trânsito na cidade está crescendo e consequentemente a frota de veículos. Temos que buscar soluções. A conscientização do motorista é primordial. Esta campanha da prefeitura em parceria com vários órgãos é importante para que a cidade possa evoluir, além de possibilitar um trabalho forte de educação no trânsito”, frisou o Capitão Edvaldo Bonfim, da 8º Ciretran/Detran de Juazeiro. De acordo com informações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), em 2009, as causas externas (acidentes de transporte) foram responsáveis por 21,5% de mortalidade geral em todas as idades, perdendo apenas para as doenças de aparelho circulatório (responsáveis por 25,9%). Ainda conforme a Sesab, em 2009, a proporção de óbitos relacionados a acidentes de trânsito registrados no município foi de 12,7 mortes a cada 100 mil habitantes. Para o secretário de saúde de Juazeiro, Ubiratan Pedrosa, a questão no trânsito no município é muito grave. “Só ano passado tivemos 31 mortes na cidade devido a acidentes envolvendo motociclistas. O problema ocupa atualmente o terceiro lugar entre as principais causas de mortalidade da população, perdendo apenas para as Doenças Cerebrovasculares e as agressões/homicídios. Realidade ocasionada pela imprudência dos condutores, que usam bebidas alcoólicas ao dirigirem e outras irresponsabilidades. O objetivo da campanha é promover a paz e dar um basta a esta violência no trânsito, que leva muitas conseqüências para as famílias como pessoas deficientes e internações com sequelas”, registrou. “Será um trabalho em conjunto da prefeitura com vários órgãos e empresários da cidade para amenizar este problema que afeta a saúde pública de Juazeiro. O aumento de acidentes acarreta maiores custos em hospitais, além da lotação. A campanha visa promover a redução no número de acidentes, facilitando desta maneira o suporte nas unidades e a atenção dos profissionais para outros problemas, pois estes casos reduzem os recursos que poderiam ser usados em outros programas do SUS. Quero agradecer ao esforço de todos os parceiros. Precisamos mudar a cara de Juazeiro e diminuir estes impactos sociais”, afirmou o prefeito Isaac Carvalho. Após o Lançamento da Campanha, a Secretaria de Defesa Social promoveu uma blitz educativa, com a distribuição de panfletos e abordagem aos condutores. “Este trabalho é de suma relevância para a cidade. Há 2 anos sou mototaxista e nunca provoquei um acidente no trânsito. A Campanha vai conscientizar a comunidade, tanto os condutores como os pedestres, tendo com certeza uma repercussão positiva”, disse Roberto Bezerra Silva, 32 anos. Para o vereador Mitonho Vargas, também presidente da Associação de Mototaxistas de Juazeiro, a ação dará um pontapé na região, levando medidas concretas para redução dos acidentes. “O comércio oferece muitas facilidade de crédito e com isso aumenta o número de motos circulando no município, mas o principal não era feito, como o trabalho de conscientização através de cursos de primeiros socorros, importância do capacete, cumprimento da Legislação, dentre outros. A ação veio na hora certa para orientar melhor os motociclistas”, informou. Durante a Campanha, que será realizada todo este ano, serão intensificadas - pelos órgãos competentes - as atividades de fiscalização no trânsito, ações educativas nas empresas privadas, blitz educativa nas ruas da cidade, e as Secretarias de Educação e Saúde vão enfrentar esta luta a partir de oficinas de prevenção de acidentes na rede pública de ensino e ações nas unidades.
 
Leia Também
 
 

POLITICA DE PRIVACIDADE | TERMOS DE USO | FALE CONOSCO | EXPEDIENTE

2000 - 2009 - Todos os direitos reservados