Bolsonaro avisou antecipadamente Fux sobre indicação de Mendonça para o STF

André Mendonça e Jair Bolsonaro (Foto: ABr)

Jair Bolsonaro avisou com antecedência ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, a intenção de indicar André Mendonça, atual Advogado-Geral da União e ex-ministro da Justiça, para vaga do atual decano da Corte, Marco Aurélio Mello, segundo a CNN.

Mendonça é visto como o ministro “terrivelmente evangélico” a ocupar o STF, conforme prometido para base bolsonarista.

Segundo a CNN, “o gesto mostra uma mudança de estratégia do presidente na relação com o presidente do STF”, pois “na indicação do então desembargador Kassio Nunes Marques ao STF, Bolsonaro deixou Fux fora das conversas que antecederam a decisão”.

“O ministro, à época recém-empossado presidente, não foi consultado, nem sequer comunicado sobre a indicação de Nunes Marques para a cadeira de Celso de Mello”, destaca a reportagem.

Fonte: Brasil247