Cerca de 1,9 milhão de pessoas morrem de doenças cardíacas induzidas pelo tabaco

Foto: Reprodução Migalhas

A Organização Mundial da Saúde aponta que o tabaco mata mais de 8 milhões de pessoas por ano. Mais de 7 milhões dessas mortes resultam do uso direto do produto, enquanto cerca de 1,2 milhão é o resultado de não-fumantes expostos ao fumo passivo. Ainda segundo a OMS, cerca de 80% dos mais de um bilhão de fumantes do mundo vivem em países de baixa e média renda, onde o peso das doenças e mortes relacionadas ao tabaco é maior.

Como se não bastasse os danos que causa aos pulmões e a estreita relação com o aparecimento de câncer, o tabagismo também figura entre os vilões quando o assunto é doenças cardiovasculares. Todos os anos, 1,9 milhão de pessoas morrem de doenças cardíacas induzidas pelo tabaco, de acordo com novos dados da OMS. Os problemas cardíacos são, sobretudo, causados por um bloqueio que impede o sangue de seguir para o coração ou para o cérebro. Para falar sobre esse assunto, aproveitando o gancho do 31 de maio, Dia Mundial Sem Tabaco, sugerimos entrevista com cardiologista.

Perguntas:

Qual a relação do cigarro com as doenças cardiovasculares?

Quais são as principais doenças a que um fumante está sujeito?

Qualquer tipo de tabaco faz mal à saúde?

Quem fica exposto ao fumo passivo também corre risco de ter problemas cardiovasculares?

Quem já fuma há muito tempo e já tem problemas cardíacos, parar de fumar ainda pode trazer benefícios?

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui