China decreta prisão de jornalista que mostrou hospitais lotados pela Covid-19 em Wuhan

Zhang Zhan (Foto: Reprodução/Twitter)

 A jornalista independente Zhang Zhan, de 37 anos, foi condenada a quatro anos de prisão por um tribunal chinês por “brigar e causar problemas” com a cobertura jornalística e divulgação de imagens de hospitais lotados e ruas vazias no ápice da pandemia do coronavírus em Wuhan, primeiro epicentro da doença no mundo.

Segundo informações da agência Reuters, Zhan foi a primeira pessoa a ter sido julgada nesta segunda-feira (28).

 

Fonte: Brasil 247

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui