China e outros 14 países criam maior pacto comercial do mundo

Foto: Reprodução/ Pátria Latina

Tratado entre economias da região Ásia-Pacífico deixa EUA de fora, abarca um terço da economia mundial e mais de 2,2 bilhões de pessoas. Com ele, Pequim amplia ainda mais sua influência.

Foi oficializada neste domingo (15/11), em conferência virtual, a criação do maior tratado comercial do mundo, que envolve a China e outros 14 países da região Ásia-Pacífico, deixa de fora os Estados Unidos e abarca uma área onde vivem mais de 2,2 bilhões de pessoas.

O tratado RCEP (Parceria Regional Econômica Abrangente) abrangerá um terço da atividade comercial do planeta, e seus signatários esperam que sua criação ajude os países a sair mais rápido da turbulência imposta pela pandemia de coronavírus.

“Tenho o prazer de dizer que, após oito anos de trabalho duro, a partir de hoje, concluímos oficialmente as negociações da RCEP para a assinatura”, afirmou o primeiro-ministro do Vietnã, Nguyen Xuan Phuc, “país-anfitrião” da cúpula online.

Segundo o premiê, a conclusão das negociações da RCEP envia uma mensagem forte ao mundo, ao “reafirmar o papel de liderança da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean) em defesa do multilateralismo.”

“O acordo apoia o sistema comercial multilateral, criando uma nova estrutura comercial na região, permitindo a facilitação do comércio sustentável, revitalizando as cadeias de abastecimento interrompidas pela covid-19 e ajudando na recuperação pós-pandêmica”, completou Phuc.

Além dos dez membros da Asean, o tratado inclui China, Japão, Coreia do Sul, Austrália e Nova Zelândia. As autoridades dizem que o acordo deixa a porta aberta para que a Índia, que desistiu devido a uma oposição interna feroz às abertura de mercado, volte a aderir ao bloco.

Menos integração que a UE

O acordo prevê reduzir as já baixas tarifas ao comércio entre os países-membros, mas é menos abrangente do que o Tratado Transpacífico, que envolvia 11 países e do qual o presidente americano, Donald Trump, se retirou logo após tomar posse.

Não se espera que o tratado selado neste domingo vá tão longe quanto a União Europeia na integração das economias nacionais, mas sim que se baseie nos acordos de livre-comércio já existentes para facilitar as trocas entre os países.

O acordo tem fortes ramificações simbólicas, ao mostrar que, quase quatro anos após Trump ter lançado sua política “America First”, de forjar acordos comerciais com países de forma individual, a Ásia continua comprometida com o multilateralismo.

Antes da reunião deste domingo, o primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, disse que transmitiria com firmeza o apoio de seu governo “à ampliação de uma zona econômica livre e justa, incluindo a possibilidade de um futuro retorno da Índia ao acordo, e a esperança de ganhar apoio dos outros países”.

“O acordo é também uma vitória para a China, de longe o maior mercado da região com mais de 1,3 bilhão de pessoas. Ele permite que Pequim se lance como líder da globalização e da cooperação multilateral e lhe dá maior influência sobre as regras que regem o comércio regional”, escreveu o economista Gareth Leather, especialista em mercado asiático em relatório do instituto Capital Economics.

China: “Vitória do multilateralismo”

A agência oficial chinesa Xinhua News Agency citou o primeiro-ministro Li Keqiang saudando o acordo como uma vitória contra o protecionismo.

“A assinatura do RCEP não é apenas uma conquista marcante da cooperação regional da Ásia Oriental, mas também uma vitória do multilateralismo e do livre-comércio”, disse Li.

Agora que o oponente do Trump, Joe Biden, foi declarado presidente eleito, a região está atenta para ver como a política americana sobre comércio e outras questões vai evoluir.

Analistas são céticos de que Biden vai se esforçar muito para aderir novamente ao pacto comercial Transpacífico ou para reverter muitas das sanções comerciais impostas à China pelo governo Trump, dada a frustração generalizada com os dados comerciais e de direitos humanos de Pequim e as acusações de espionagem e roubo de tecnologia.

Críticos dizem que acordos de livre-comércio tendem a encorajar as empresas a transferir empregos da indústria local para o exterior. E essa é uma preocupação do eleitorado, por exemplo, das regiões de Michigan e Pensilvânia, que Biden precisou conquistar para vencer as eleições de 3 de novembro.

Mas dada a preocupação com a crescente influência da China, avaliam especialistas, Biden provavelmente buscará muito mais envolvimento com o Sudeste Asiático para proteger os EUA.

O mercado do Sudeste Asiático, em rápido crescimento e cada vez mais influente, tem 650 milhões de pessoas e, duramente atingido pela pandemia, está procurando urgentemente novos motores para o crescimento.

O tratado RCEP originalmente teria incluído cerca de 3,6 bilhões de pessoas e abrangia cerca de um terço do comércio mundial e do PIB global. Sem a Índia, ainda cobre mais de 2 bilhões de pessoas e cerca de um terço de toda a atividade comercial do mundo.

 

Fonte: Pátria Latina

134 COMENTÁRIOS

  1. Admiring the dedication you put into your site and detailed information you present.
    It’s awesome to come across a blog every once in a while that isn’t the same old
    rehashed information. Fantastic read! I’ve saved your site and I’m adding your RSS
    feeds to my Google account.

  2. Greetings from Los angeles! I’m bored to death at work so
    I decided to browse your blog on my iphone during lunch break.
    I enjoy the information you present here and can’t
    wait to take a look when I get home. I’m amazed at how quick your blog loaded on my mobile
    .. I’m not even using WIFI, just 3G .. Anyhow, superb site!

  3. Hello There. I discovered your weblog using msn. That is an extremely neatly
    written article. I’ll be sure to bookmark it and come back
    to learn extra of your useful information.
    Thank you for the post. I’ll certainly return.

  4. I do not know if it’s just me or if everyone else experiencing problems with your site.
    It seems like some of the text in your content are running off the screen. Can someone else please comment and let me know if this is happening to them as well?
    This might be a problem with my web browser because I’ve
    had this happen previously. Many thanks

  5. Pretty great post. I just stumbled upon your blog and wished
    to say that I have truly enjoyed browsing your
    blog posts. In any case I’ll be subscribing on your rss feed and I hope you write once more soon!

  6. This is the right web site for anybody who
    really wants to find out about this topic. You
    understand so much its almost tough to argue with you (not that I actually would want to…HaHa).

    You definitely put a fresh spin on a topic that’s been discussed for
    decades. Great stuff, just great! ps4 games allenferguson ps4 games

  7. I’ve been exploring for a little bit for any high-quality articles or
    weblog posts in this kind of area . Exploring in Yahoo I
    at last stumbled upon this web site. Reading this info So i
    am happy to exhibit that I’ve a very good uncanny feeling I came upon just what I needed.
    I such a lot surely will make certain to don?t overlook this web site
    and give it a glance regularly. ps4 games 185413490784 ps4 games

  8. I believe everything posted was very reasonable.
    But, what about this? suppose you typed a catchier title?

    I am not saying your content isn’t good., but what if you added a headline
    to maybe get folk’s attention? I mean China e outros 14 países criam maior pacto comercial do mundo – Notícias
    da Bahia is kinda boring. You could peek at Yahoo’s front page
    and watch how they create post headlines to get people interested.
    You might add a related video or a picture or two to get people interested
    about everything’ve got to say. Just my opinion, it might make your blog a little livelier.

  9. First of all I want to say terrific blog! I had a quick question that I’d like to ask if you
    don’t mind. I was interested to find out how
    you center yourself and clear your thoughts before writing.
    I have had trouble clearing my mind in getting my thoughts out there.
    I do enjoy writing but it just seems like the first 10
    to 15 minutes are usually wasted simply just trying to figure out how to begin. Any ideas or tips?
    Many thanks!

  10. I have to thank you for the efforts you have put in penning this blog. I really hope to check out the same high-grade blog posts by you in the future as well. In truth, your creative writing abilities has encouraged me to get my own, personal blog now 😉

  11. Iím amazed, I have to admit. Rarely do I encounter a blog thatís equally educative and interesting, and without a doubt, you’ve hit the nail on the head. The issue is something too few folks are speaking intelligently about. Now i’m very happy that I came across this during my hunt for something relating to this.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui