Durante ensaio do Olodum, Suíca volta a defender políticas e investimentos para a cultura em Salvador

Foto: Divulgação

Mais políticas públicas para inclusão, recursos para fortalecer a cultura negra e financiamento e investimentos para blocos afros de Salvador. Esses foram alguns dos pontos tratados pelo vereador Luiz Carlos Suíca (PT) durante o primeiro ensaio do Olodum de 2022. Realizado na Praça Tieta, no Pelourinho, o show relembrou os sucessos da banda e uniu gerações na noite desta terça-feira (4). Ao lado do presidente do bloco afro, João Jorge, Suíca também explicou a importância de se apoiar a arte e a cultura negra como ponto de partida para reforçar a luta contra o racismo e a intolerância religiosa.

“É sempre um momento marcante, pois relembra nossa história de luta e nos remete a uma batalha que não vai acabar tão sendo. A luta contra o racismo e a intolerância precisa ser de todos nós. Salvador já regulamentou seu Estatuto da Igualdade e acredito que muito deve ser feito para preservar, beneficiar e ajudar no desenvolvimento cultural da capital e expandir para o interior. Precisamos disso, que a cultura seja vista em toda a Bahia e que o estado também auxilie nessa caminhada”, aponta o vereador petista ao defender mais investimentos do governo estadual para a cultura na Bahia.

Suíca também lembrou da importância dos cuidados com a saúde e em cumprir os protocolos de segurança para evitar a proliferação de Covid-19 e Influenza. “Vamos manter o cuidado e usar máscara em locais públicos, continuar seguindo as orientações dos órgãos de saúde. Para a realização de shows é importante seguir à risca os protocolos. E o setor cultural precisa se movimentar, os artistas estão parados há meses. Precisamos auxiliar para que o setor volte a gerar emprego e renda. Tudo de forma segura e com apoios dos governos estadual e municipal”, aponta o edil ao lado de representantes do Olodum.

Ascom do vereador Luiz Carlos Suíca