“Isso não é segurança pública”, diz Lula sobre Chacina do Jacarezinho, que deixou 25 mortos

Lula (Foto: Reprodução | Ricardo Moraes/Reuters)

O ex-presidente Lula se manifestou no Twitter nesta quinta-feira (6) sobre a operação policial na favela do Jacarezinho, no Rio de Janeiro, que já é conhecida como “Chacina do Jacarezinho” por ter deixado 25 mortos, dentre eles um policial.

“É grave uma operação policial terminar na morte de 25 pessoas. Isso não é segurança pública. É a ausência do Estado  oferecendo educação e emprego a causa de boa parte da violência. Os brasileiros estão morrendo sem vacina, de fome e pela violência. Vidas brasileiras importam”, escreveu o ex-presidente.

Até o fechamento desta reportagem, Jair Bolsonaro não havia se manifestado sobre a chacina. Os filhos do chefe do governo federal, no entanto, se pronunciaram, mas ignoraram os moradores mortos.

A Chacina do Jacarezinho já é a maior da história da cidade e a segunda maior da história do estado. Mas as entidades de direitos humanos dizem que o número de mortos pode subir ainda mais.

Fonte: Brasil 247