Vereadores devem indicar nomes para iniciar CPIs na Câmara nos próximos dias

 

Dois requerimentos estão em andamento na Câmara de Vereadores de Feira de Santana, para a instalação de duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) a fim de investigar supostas irregularidades cometidas pela administração municipal.

 

Segundo o vereador Silvio Dias (PT), uma das CPIs visa averiguar a área da saúde e também o transporte público.

 

“É também uma necessidade urgente da nossa população entender o que vem acontecendo com o transporte. Todas essas CPIs aguardam a mesa indicar os membros, que serão levados ao plenário e então se dará início às duas CPIs. O que nós temos no nosso regimento interno, que foi alterado, é que os nomes serão indicados pela mesa e aprovados pelo plenário. Isso dá uma pluralidade de partidos dentro da comissão, tendo em vista a nossa realidade. Temos a Câmara toda dividida em partidos, são 15 para 21 vereadores. Não há como garantir através de sorteio que haja essa democracia, a forma é através da indicação”, afirmou o vereador.

 

Ele acrescentou que para instalação de uma CPI, os requisitos são apenas as assinaturas dos vereadores e isso já foi suprido. “O que nós temos agora é a aprovação dos membros. São três membros diretivos e três suplentes.”

Com informações do repórter Paulo José do Acorda Cidade