Barretinho: “não aperte a minha mente!”

TORNAMO-NOS UMA NAÇÃO CARETA

  DE MENTES APERTADAS E ANTOLHOS  

 

                                                                 Zédejesusbarreto, um escrevinhador sem amarras

 

*

Tudo bem que você argumente;

Mas não aperte a minha mente !

**

Revejo e relembro os anos 70, 80 do século passado: filmes, peças teatrais, novelas, programas ao vivo, seriados, especiais e humorísticos da tevê, canções, shows, exposições de arte, eventos, festas, a nossa publicidade, o jornalismo …

E concluo: – Como regredimos ! Emburrecemos? Ficamos caretas e obtusos. Perdemos a liberdade, a ousadia, a criatividade, o senso de humor perante a vida, as coisas desse mundo.  Francamente !

É como se estivéssemos agora atados, amordaçados pelo politicamente correto, condenados ao ativismo ideológico (gauche & droit), vigiados por patrulheiros vorazes que nos impingem uma auto censura surda e destruidora.

As bandeiras e o mercado nos comandam. Deletam nossos sonhos.

E me pergunto: O que fizemos de nós, de nosso país, desta nação?

A luta, real, é por libertar nossos fazeres, dar asas à cultura, voltar a criar uma arte libertária, brasileira, nova, sem amarras, com os olhos adiante.

Essa caretice nos assassina cada dia.

**

Apois …

Da patrulha para a inquisição é um pisco.

E temos uma esquerda militante papagaia, que nada reflete, só repete.

Macaqueia.

**

Quer saber?

– Nem Pátria, nem patrão !

– O mundo inteiro é a nossa casa.

– A Pátria é qualquer lugar em que trabalhemos

– Somos cidadãos do mundo !

– A terra é nossa! E nosso lema é a liberdade.

Pensamentando: – Seriam os manifestos anarquistas algo maior? Um farol?

**

Neste Brasil, os togados se acham divindades:  deuses embargadores.

**

Sou trabalhador submisso

Num bebo fora do serviço

**

Só pra não dizer que não falei do ‘coronga’, que ainda nos acua …

Dois mascarados pela manhã, no elevador:

– e aí, como vai com esse loquidau?
– porra de loquidau… serve pra quê?
– oxe, pra salvar vidas, véi!
– pois eu ja tô é de saco cheio da vida!

Eu já ia recomendar a cloroquina, mas a porta abriu e me piquei.

**

Para conhecer uma cidade, de verdade

É preciso entranhar-se nela, seu cheiro

E deixar que ela se entranhe em você, inteiro.

… A cidade é sua gente.

*

Sejamos cidadãos, decentes.

 

**

Zedejesusbarreto  / julho 2020

 

 

 

 

 

 

21 COMENTÁRIOS

  1. It’s a pity you don’t have a donate button! I’d definitely donate to this brilliant blog!
    I suppose for now i’ll settle for book-marking and adding your RSS
    feed to my Google account. I look forward to brand new updates and
    will share this website with my Facebook group. Talk soon!

  2. fantastic issues altogether, you just won a new reader.
    What would you recommend in regards to your put up that you simply made some days in the past?

    Any positive?

    My web blog :: http://sumabura.s4.xrea.com/cgi-bin/uiui/fantasy/fantasy.cgi/summary/fantasy.cgi/www.itkorona.ru/bitrix/rk.php%3Fgoto%3Dhttps%3A//voipxhub.com/user/profile/115546

  3. Unquestionably imagine that which you said. Your favorite
    reason seemed to be on the web the simplest thing to
    be mindful of. I say to you, I definitely get irked while people think about worries that they just don’t recognize about.
    You managed to hit the nail upon the top and outlined
    out the entire thing without having side effect , other folks could take a signal.
    Will likely be back to get more. Thanks

    Feel free to visit my web blog :: http://www5d.biglobe.ne.jp/~deluxe/cgi-bin/yybbs.cgi?page=30

  4. I’m really impressed with your writing skills and also with the layout on your weblog.
    Is this a paid theme or did you modify it yourself? Either way
    keep up the excellent quality writing, it’s rare to see a
    nice blog like this one today.

    Look at my web page :: www23.tok2.com

  5. We would like to thank you again for the lovely ideas you offered Janet when preparing
    a post-graduate research in addition to, most importantly, with regard to providing the many ideas in a blog post.
    Provided we had been aware of your site a year ago,
    we’d have been rescued from the nonessential measures we were having to take.

    Thanks to you.

    Take a look at my blog post; intheatrenews.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui