Um adeus de irmão pra Roberto Gaguinho (por ZédeJesusBarreto)

Noite mal dormida, ao saber da viagem derradeira do Gago, o nosso Gaguinho, jornalista, fotógrafo, cineasta… amigo e irmão de vera desde os anos 70, daquelas amizades incondicionais e sem nódoas, um amante de belas mulheres, parceiro de sonhos, aventuras, projetos, jornadas e confidências.
Mais um pedaço vivo de nossa baianidade perdido.
Gaguinho, com seu despojamento, andar de angoleiro, riso e convívio sedutores, conhecia cada esquina, cada sobrado, ladeira, recanto, cada batuque, cada boteco desta cidade do São Salvador da Bahia e também as águas da grande Baía de Todos os Santos e Orixás e Encantados, seus recôncavos e reconvexos. Tudo registrado e filmado pelos seus olhos graúdos esverdeados e espertos.
Mesmo com as distâncias desse viver insano nunca ficamos muito tempo sem nos falar, nos ver. Por um bom tempo ligava-me a pedir que escrevesse algo para o seu Jornal da Ilha, tabloide sem periodicidade, uma forma de resistir à estupidez do mercado e de sobreviver sem baixar as calças. A cada encontro, aquele convite para chegar no barraco que construiu devagar e na tora na aprazível Berlinque (ou era Aratuba?). Lá nos acolhia com toda alegria regada a boas pingas, resenhas dos acontecimentos do mundo e adubada com peixadas, pirão e molho lambão de pedir rede no depois. Gostava de temperos e preparos.
Pra quem não sabe, Roberto Gaguinho era irmão de Juarez, aquele do restaurante famoso do Mercado do Ouro com seu filé único, e que também já nos deixou. Na cozinha, a especialidade de Gago era criar pratos com o que tivesse à mão. Assim, por exemplo, inventou a deliciosa moqueca de pão. Certa feita, no apartamento onde morou no Cabula, ensinou-me cada passo do feitio da iguaria, desde o deixar as fatias do pão dormido descansando em leite de coco. Tentei fazer igual, mas quá ! Noutro dia, entre uma bebericada e outra, lhe perguntei qual era o segredo daquele famoso ‘Filé do Juarez’, tostado por fora e suculento por dentro. Ele me respondeu : – É a pa, pa, pa, ne, nela !
O fotógrafo Roberto Gaguinho gostava do sertão. Tinha o olhar aguçado e a mente de antropólogo. Ligava-se no cenário, na luminosidade e sombras do ambiente, mas enxergava além, o ser humano, o fazer, o comportamento, as expressões, os personagens, a História.
Dentre as tantas boas coisas que fez e deixou destaco o documentário “Cid Teixeira – a enciclopédia da Bahia”, até por ser um resgate da memória fantástica do nosso mestre (amigo comum e quase pai), o professor, historiador, advogado, jornalista e radialista Cid Teixeira, a quem fomos juntos visitar algumas vezes, já adoentado. Nesse documentário, dirigido por Gaguinho, Cid fala da cidade, conta histórias com aquele vozeirão e passeia de barco pelas ilhas e locais de sua infância no recôncavo. Aula deliciosa de baianidade do eterno Mestre Cid Teixeira, mulato mui amado.
Faz meses bateu saudades do véi Gaguinho, senti sua falta, queria saber de Cid também. Liguei várias vezes mas não respondeu. Que teria acontecido? Encontrei um amigo comum que me disse, sem saber direito: “Deve estar na ilha, e lá na toca é difícil atender”. Deu vontade de ir lá, mas a ilha ficou tão longe a essa altura da vida e dos acontecimentos !
O Gago esteve doente e eu não sabia. Fez uma cirurgia no coração e outra no abdome. Não aguentou. Foi-se, pediu passagem, tá no Orun. Tinha um querer bem fraterno por ele que será eterno enquanto viver.
Acordei cedo e fui caminhar, ver o mar, molhar a cabeça. Odoiá ! Vi garças brancas a pousar nas pedras e levantar voos, sabiás dando rasantes, pombos bicando a areia, peixinhos brincando nas locas, maré baixa … Tomei chuva na cara (Ora Yeyê ô!), rezei, chorei… mirei um tempo o azul infindo e deu vontade de sumir nele, ao encontro do amigo.
Valeu, Gago, obrigado irmão.

Zedejesusbarreto / 9demarço2020

49 COMENTÁRIOS

  1. Pretty element of content. I simply stumbled upon your web site and in accession capital to say that I acquire actually loved
    account your weblog posts. Any way I will be subscribing for your feeds and even I
    success you get right of entry to persistently fast.

  2. I’m curious to find out what blog system you happen to be working with?
    I’m experiencing some minor security problems with my latest blog and I’d like to find something more risk-free.

    Do you have any suggestions?

    Also visit my web-site :: Kaylee

  3. Hey there! Quick question that’s entirely off topic.

    Do you know how to make your site mobile friendly?
    My site looks weird when viewing from my iphone4. I’m trying
    to find a template or plugin that might be able to correct this issue.
    If you have any recommendations, please share.

    Appreciate it!

    My web site – perthbbs.com

  4. I almost never comment, however after looking at through a few of the comments here Um adeus de
    irmão pra Roberto Gaguinho (por ZédeJesusBarreto) – Notícias da
    Bahia. I do have a couple of questions for you if it’s okay.
    Is it simply me or do a few of these remarks look as if they are written by brain dead individuals?
    😛 And, if you are writing on other online social sites, I would like to keep up with everything fresh you have to post.
    Could you list of every one of all your social sites like your twitter feed, Facebook page or linkedin profile?

    my homepage; smfpt2.smfpt.net

  5. I leave a leave a response when I like a article on a site or if I have something to add to the conversation. It’s a result
    of the fire communicated in the post I browsed. And on this post Um adeus de irmão pra Roberto Gaguinho (por ZédeJesusBarreto) – Notícias
    da Bahia. I was actually excited enough to post a thought 🙂 I actually do have a couple of questions for you if you usually do not mind.

    Could it be simply me or do a few of the comments appear like they are written by brain dead visitors?
    😛 And, if you are writing at additional online sites, I would like to follow everything fresh you have to post.
    Could you list the complete urls of your
    public sites like your linkedin profile, Facebook page or twitter feed?

    Feel free to surf to my homepage; http://www.helpformommies.com/

  6. Thanks so much regarding giving me personally an update on this
    subject matter on your website. Please know that if a new post
    appears or if any adjustments occur on the current post,
    I would be interested in reading more and knowing how to make good use of those strategies you discuss.
    Thanks for your time and consideration of other people by making this web site available.

    Also visit my web site – johnsonclassifieds.com

  7. Whats up this is kind of of off topic but I was wanting to know if blogs use WYSIWYG editors or if you have to manually
    code with HTML. I’m starting a blog soon but have no coding experience so I wanted to get guidance from someone with experience.

    Any help would be greatly appreciated!

  8. Oh my goodness! Impressive article dude! Thanks, However I am encountering
    issues with your RSS. I don’t understand why I can’t subscribe to it.
    Is there anybody else getting the same RSS issues?

    Anyone that knows the answer can you kindly respond?

    Thanx!!

  9. I believe this is one of the so much significant info for me.
    And i am happy studying your article. However should
    observation on some normal things, The web site style is ideal, the articles is
    in point of fact nice : D. Just right process, cheers

  10. I have been exploring for a little for any high quality articles
    or weblog posts in this sort of space . Exploring in Yahoo I ultimately stumbled upon this web site.
    Reading this info So i’m happy to exhibit that I’ve a very excellent
    uncanny feeling I came upon exactly what I needed.

    I most no doubt will make certain to don?t fail to remember
    this website and provides it a look on a continuing basis.

    Look at my page :: http://harlemify.com/

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui