Irã lança 3 novos projetos de petróleo apesar das sanções dos EUA

A planta petroquímica de Lordegán em Chaharmahal e na província de Bajtiarí (oeste do Irã), 26 de novembro de 2020 (Foto: IRNA)

O presidente do Irã, Hasan Rohani, inaugurou nesta quinta-feira, por videoconferência, diversos projetos petrolíferos nas províncias de Chaharmahal e Bajtiarí (oeste), Khuzistão (sudoeste) e Bushehr (sul), com um investimento de 1,25 bilhão de dólares.

Entre eles, destaca-se a petroquímica Lordegán (localizada na província de Chaharmahal e Bajtiarí), que, segundo estimativas, produzirá três milhões de toneladas de derivados de petróleo por ano.

O ministro do Petróleo iraniano, Biyan Namdar Zangane, também presente na cerimônia, disse que a planta de Lordegan ajudará a melhorar as condições econômicas na região.

Além disso, a primeira refinaria de petróleo montada em skid do Irã foi inaugurada em um grande campo de petróleo perto da fronteira com o Iraque, na província do Khuzistão.

Zangane, da mesma forma, apontou que a República Islâmica extrai cerca de 400.000 barris de petróleo por dia (bpd) do campo de petróleo de Azadegan, no Khuzistão.

O terceiro projeto é uma instalação de armazenamento de condensado de gás no campo Pars del Sur, localizado na província de Bushehr. O projeto inclui oito tanques de armazenamento com capacidade para cerca de 4 milhões de barris.

Destacando esses acontecimentos, as autoridades iranianas garantiram que as sanções dos EUA para “paralisar a economia persa” não surtiram efeito.

Washington está tentando isolar o Irã e reduzir suas exportações de petróleo a zero, além de pressionar outros países a cortar os laços com Teerã.

Além de garantir que aumentará sua capacidade de produção de petróleo, o Irã  reduziu sua dependência das receitas do petróleo, uma das conquistas mais importantes de sua economia de resistência à política de restrições contra ela.

Fonte: HISPANTV

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui