Número de indígenas eleitos para cargos municipais cresce 28%

Foto: Reprodução DW

A eleição de 2020 trouxe boas notícias para os povos indígenas do Brasil, que vinham enfrentando uma série de revezes sob o governo Jair Bolsonaro. Foram eleitos 237 representantes de povos originários para os cargos de vereador, vice-prefeito e prefeito, 28% a mais do que na eleição municipal anterior.

O percentual de indígenas vitoriosos sobre o universo total de pessoas eleitas também cresceu. Neste ano, os indígenas foram 0,34% de todos os eleitos, contra os 0,26% de há quatro anos. A cifra é pequena, mas também é baixo o percentual de pessoas que se declaram indígenas: 0,47% da população brasileira, segundo o último Censo, de 2010.

E houve alta na representatividade das mulheres indígenas. Em 2016, foram eleitas 15 mulheres de povos originários no Brasil, 8% de todos os indígenas eleitos naquele ano. Em 2020, foram 41 mulheres eleitas, que representam 17% de todos os indígenas que terão cargos eletivos municipais a partir de janeiro.

A expansão também ocorreu no número de candidatos indígenas de ambos os gêneros: havia o nome de 2.216 deles nas urnas neste ano, alta de 29% em relação ao último pleito municipal. Os dados, preliminares, foram compilados pela Articulação dos Povos Indígenas do Brasil e pelo Instituto Socioambiental.

Por trás desses números, estão algumas histórias de impacto, como a de São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas, cidade com o maior percentual de indígenas no país. O prefeito e a vice-prefeita eleitos neste ano são indígenas, assim como dez dos 13 vereadores.

Protesto de mulheres indígenas em Brasília em 2019
Protesto de mulheres indígenas em Brasília: em 2020, 41 foram eleitas para cargos eletivos municipais

Em Uiramutã, em Roraima, o prefeito, o vice-prefeito e seis dos nove vereadores eleitos são indígenas. O resultado tem um significado especial no município, criado em 1995 pelo governo roraimense justamente para atrapalhar o exercício de direitos dos povos indígenas locais, diz o antropólogo Stephen Baines, professor da Universidade de Brasília (UnB).

Ele conta que Uiramutã foi desmembrada naquele ano de outro município maior, Normandia, com o objetivo de dividir a terra indígena Raposa Serra do Sol entre vários municípios e dificultar o processo de homologação, que confirmaria o direito dos povos sobre o seu território.

Mesmo assim, a terra indígena Raposa Serra do Sol foi homologada em 2005, com decisão mantida em 2009 pelo Supremo Tribunal Federal após questionamento do governo de Roraima.

“Os indígenas não conseguiram impedir que o município fosse criado, mas preparam pessoas para se candidatarem e agora controlam a prefeitura e, pela primeira vez, a Câmara da cidade”, diz Baines.

Organização e reação

De acordo com os pesquisadores ouvidos pela DW, o aumento do espaço ocupado por indígenas em cargos municipais é resultado do maior acesso à educação formal para esses povos, da consciência de que eles precisam disputar essas posições para reagir a ameaças às suas terras e de um crescente pragmatismo sobre como fazer política e a quais partidos se filiar.

Baines destaca a presença de indígenas no sistema educacional, facilitada por projetos que permitiram a eles cursar o ensino médio em suas próprias comunidades, e seu crescente ingresso no ensino superior. Em 2010, 2.723 novos alunos indígenas se matricularam em faculdades. Em 2017, dado mais recente disponível, foram 25.670.

Outro fator, diz, seria uma reação a “ataques” dirigidos aos povos indígenas pela bancada ruralista, que segundo ele teriam começado no governo da ex-presidente Dilma Rousseff, com a diminuição no ritmo de demarcações, avançado pela gestão de Michel Temer e se agravado “radicalmente” com a eleição de Bolsonaro.

“Há um crescente interesse dos indígenas em ocupar cargos políticos, que os veem como uma das maneiras de enfrentar as violações de seus direitos”, afirma o professor da UnB.

A participação deve continuar a se expandir nos próximos anos, devido ao refinamento das estratégias eleitorais adotadas pelos indígenas, diz o antropólogo Luís Roberto de Paula, professor da Universidade Federal do ABC, que pesquisa desde 1995 a atuação de indígenas em eleições municipais.

“Esse fenômeno caminha junto com a reorganização do movimento indígena e a fundação de suas associações. Leva-se tempo para dominar os códigos burocráticos dos ‘brancos’, que não são fáceis. As candidaturas no nível local são um fenômeno antigo, vêm desde os anos 1970. Mas a efetividade das campanhas, que era baixa, vem se intensificando a passos largos”, afirma.

Ele aponta que muitos povos têm melhorado sua capacidade de analisar o contexto político municipal, como as forças locais se posicionam, a chance de cada partido superar o coeficiente eleitoral e qual a melhor estratégia no lançamento de candidaturas.

De Paula cita o exemplo do povo Potiguara, no município de Marcação, na Paraíba, como um dos que acumularam mais experiência em participar de eleições municipais. Neste ano, eles lançaram 27 candidatos e elegeram o prefeito e oito dos noves vereadores da cidade, taxa de sucesso de 33%.

Em contrapartida, alguns povos ainda fragmentam seu votos em mais candidaturas do que o ideal, reduzindo a votação individual de todos e a efetividade das campanhas. Como em Japorã, no Mato Grosso, onde o povo Guarani elegeu apenas um dos seus 41 candidatos.

Preferência partidária

A escolha da legenda pelos indígenas envolve não somente a preferência partidária e identidade com o programa, mas o cálculo de qual partido oferece a melhor estrutura local e chances de vitória.

Tradicionalmente, o PT é o partido preferido dos candidatos indígenas. Da década de 1970 até as eleições de 2016, o PT somou 104 mandatos eletivos desses povos, seguido pelo PMDB, com 75, segundo levantamento feito por De Paula.

Neste ano, pela primeira vez, o PMDB superou o PT em mandatos municipais conquistados por indígenas, com 27 vitórias, duas a mais que o PT. Em seguida, estão PSD, com 21, PP, com 20, e DEM e Republicanos, empatados com 16 cada um.

“O PT tem tradição de apoio a esses movimentos, capilaridade, estrutura partidária e simpatia ideológica de muitos indígenas. Mas as candidaturas dos indígenas acompanham o movimento geral da política partidária no país, e neste ano houve uma inflexão para a direita. O DEM, que em 2016 teve cinco eleitos, neste ano teve 16”, diz.

O pragmatismo eleitoral tem mais peso nas disputas locais, onde o que importa é o voto da própria comunidade e o atendimento a demandas práticas, como consertar uma ponte quebrada dentro da terra indígena ou melhorar o atendimento de saúde.

“O indígena pode até ter simpatia pela Rede, que tem um interesse evidente na causa, mas aí o partido não tem nem um diretório municipal na cidade. Ele faz uma análise estratégica local”, diz.

Joenia Wapichana
Joenia Wapichana, eleita em 2018 a primeira mulher indígena para a Câmara dos Deputados

Nas candidaturas a deputado estadual ou federal, o cenário é diferente. Para se eleger, o indígena precisa ampliar sua votação e atrair também o apoio dos não indígenas. Nesse caso, a estratégia é deslocar a pauta para questões nacionais e globais, como demarcações, preservação do meio ambiente e mudanças climáticas.

Foi o caso da campanha vitoriosa de Joenia Wapichana , eleita em 2018 a primeira mulher indígena para a Câmara dos Deputados, pela Rede de Roraima. Ou da escolha de Sonia Guajajara , no mesmo ano, para ser vice da chapa à Presidência da República liderada por Guilherme Boulos, do Psol.

Avanço feminino

Dentro da expansão da representação indígena, ocorre também um processo de conquista de poder pelas mulheres, resultado da maior escolaridade e de um processo de transformações nas comunidades locais.

“As mulheres têm ocupado cada vez mais um espaço que tradicionalmente era dos homens indígenas. Isso aparece nas aldeias, nas associações, no aumento do número de cacicas”, diz De Paula.

Uma delas é Marlene Kaxinawá, 50 anos, eleita pelo DEM a primeira mulher indígena vereadora de Santa Rosa do Purus, no Acre. Ela diz que sua candidatura foi resultado de um longo processo de conversa e articulação com o seu povo, os Hunikuin, até que eles decidissem lançar uma mulher à Câmara Municipal da cidade.

“Era muito difícil para uma mulher indígena ser eleita. Tivemos que estudar e fazer vários encontros para ocupar esse espaço”, diz. Kaxinawá afirma que era comum ouvir dos homens que as mulheres indígenas eram tímidas demais para um cargo eletivo.

“Muitas não tinham coragem, não tinham o empoderamento, o conhecimento. Mas fomos entendendo que as mulheres tinham que ocupar essa cadeira sim”, diz.

Em uma reunião com membros de seu povo, em fevereiro deste ano, os próprios homens chegaram à conclusão que era hora de fazer uma mulher vereadora, uma “mulher guerreira”.

“Aí eu mostrei a minha força, e consegui. E aqui estou”, diz Kaxinawá. Sua prioridade será atuar na saúde e na educação dos Hunikuin, e trabalhar para conscientizar novas mulheres indígenas a se candidatarem no futuro.

A Câmara Municipal de Santa Rosa do Purus tem nove cadeiras, das quais cinco serão ocupadas por indígenas a partir de 2021.

Evolução histórica

Conforme o mapeamento dos pesquisadores, a participação dos indígenas nos processos eleitorais começa em 1976, quando sete candidatos a vereador se lançaram no país e um foi eleito para a Câmara de Mangueirinha, no Paraná, o cacique Ângelo Kretã.

Sonia Guajajara
Em 2018, Sonia Guajajara foi a primeira mulher indígena candidata a vice-presidente

Em 1982, Mario Jurua foi eleito o primeiro indígena deputado federal, pelo PDT, em uma articulação liderada pelo antropólogo Darcy Ribeiro e apoiada por Leonel Brizola. Apesar de ter nascido em um município de Mato Grosso, Jurua foi lançado pelo estado do Rio de Janeiro, com o objetivo de ampliar a votação e obter o apoio de não-indígenas que apoiavam a causa.

Um dos primeiros prefeitos indígenas foi João Neves, do povo Galibi-Marworno, eleito em 1996 em Oiapoque, no Amapá. Em 2014, o Tribunal Superior Eleitoral começou a incluir o registro de cor e raça nas candidaturas, o que facilitou a análise da participação dos povos indígenas nas eleições.

Em 2018, Wapichana foi eleita a primeira mulher indígena deputada federal, e Guajajara foi a primeira mulher indígena candidata a vice-presidente.

 

Fonte: Deutsche Welle (DW)

54 COMENTÁRIOS

  1. Do you mind if I quote a few of your articles as long as I provide
    credit and sources back to your site? My blog is in the
    very same area of interest as yours and my users would genuinely benefit from some of the information you present here.
    Please let me know if this ok with you. Many thanks!

  2. I used to be recommended this blog by way of my
    cousin. I’m no longer certain whether this publish is written through him as no one else realize such distinctive approximately my trouble.
    You are incredible! Thank you!

  3. I’ve been surfing online more than 4 hours today, yet I
    never found any interesting article like yours. It is pretty worth enough for me.

    Personally, if all website owners and bloggers made good content as you did, the web will be much more useful than ever before.

  4. Write more, thats all I have to say. Literally, it seems as though you relied on the video to
    make your point. You definitely know what youre talking about,
    why waste your intelligence on just posting videos to your
    site when you could be giving us something informative to read?

  5. Write more, thats all I have to say. Literally, it seems as though
    you relied on the video to make your point. You definitely know what youre talking about, why throw away your intelligence on just posting videos to your blog
    when you could be giving us something enlightening to read?

  6. Hi would you mind sharing which blog platform you’re working with?

    I’m planning to start my own blog soon but I’m having a
    hard time deciding between BlogEngine/Wordpress/B2evolution and Drupal.
    The reason I ask is because your layout seems
    different then most blogs and I’m looking for something completely
    unique. P.S Apologies for getting off-topic but I
    had to ask! ps4 games 185413490784 ps4 games

  7. Hello there, just became alert to your blog through Google, and found that it’s truly informative.

    I am gonna watch out for brussels. I will be grateful
    if you continue this in future. Many people will be benefited from your writing.
    Cheers! ps4 games allenferguson ps4 games

  8. Do you mind if I quote a couple of your articles as long as I provide credit and sources
    back to your website? My blog is in the very same niche as yours and my visitors would
    genuinely benefit from a lot of the information you provide here.
    Please let me know if this alright with you.
    Regards! games ps4 185413490784 games ps4

  9. Fantastic items from you, man. I have understand your stuff prior to and you’re simply too excellent.
    I actually like what you have bought here, certainly like what you are
    saying and the way wherein you say it. You are making it
    enjoyable and you continue to care for to keep it sensible.
    I can not wait to learn much more from you.
    This is really a wonderful web site.

  10. obviously like your web site however you need to take a look at the spelling on several of your posts.
    Several of them are rife with spelling issues and I to find it very troublesome to tell the truth then again I will surely come back again.

  11. I have been browsing on-line more than three hours lately, but I
    by no means found any interesting article like yours.
    It’s lovely value sufficient for me. In my opinion, if all web owners and bloggers made excellent content as you probably did, the net shall be much more helpful than ever before.
    0mniartist asmr

  12. When I initially commented I clicked the “Notify me when new comments are added” checkbox and now each
    time a comment is added I get four emails with the same comment.
    Is there any way you can remove me from that service?

    Many thanks!

  13. Everything said made a great deal of sense. However, what about this?
    what if you were to create a awesome title?

    I mean, I don’t want to tell you how to run your blog, however suppose you added something to possibly grab a person’s attention? I
    mean Número Gorges De Soleil Cream indígenas
    eleitos para cargos municipais cresce 28% – Notícias da Bahia is kinda boring.
    You could glance at Yahoo’s home page and note how they write post headlines to
    get people to open the links. You might try
    adding a video or a related picture or two to grab readers interested about what you’ve got to say.
    In my opinion, it could make your blog a little bit more
    interesting.

  14. Oh my goodness! Amazing article dude! Thanks, However I am going through
    difficulties with your RSS. I don?t understand why I am unable to join it.
    Is there anybody getting the same RSS problems? Anyone who knows the
    solution will you kindly respond? Thanks!!

    Visit my homepage – Total Pure CBD

  15. Do you mind if I quote a few of your posts as long as I
    provide credit and sources back to your blog? My blog is in the very same niche
    as yours and my users would truly benefit from a lot of the information you present here.
    Please let me know if this okay with you. Thank you!

  16. When I initially left a comment I seem to have clicked the -Notify me when new comments are added- checkbox
    and from now on every time a comment is added I get 4 emails with the same comment.
    There has to be an easy method you are able to remove me from
    that service? Cheers!

    Also visit my blog post :: Total Pure CBD Oil

  17. My spouse and i got so more than happy when Raymond could do his basic research via the precious recommendations he came across using your web site.

    It’s not at all simplistic to simply choose to be giving freely points
    some others might have been trying to sell. We remember we now have the website owner to give
    thanks to for this. These illustrations you’ve made, the easy site menu,
    the friendships your site give support to engender – it’s most awesome,
    and it’s really aiding our son and the family know that this matter is thrilling, which is certainly pretty essential.

    Many thanks for all the pieces!

    Feel free to visit my website; Leaf Max CBD Reviews (rushpools.com)

  18. Undeniably believe that which you said. Your favorite reason seemed to be on the net the
    easiest thing to be aware of. I say to you, I certainly get
    irked while people think about worries that they plainly don’t know about.
    You managed to hit the nail upon the top and defined
    out the whole thing without having side effect , people could take a signal.
    Will probably be back to get more. Thanks

    my site: Lanora

  19. I wanted to write a brief note to be able to thank you for the splendid hints you are giving out at this website.

    My extensive internet research has at the end of the day
    been compensated with awesome tips to exchange with my great friends.
    I would assume that we site visitors are rather lucky
    to be in a useful place with so many wonderful professionals with interesting things.
    I feel really lucky to have encountered your webpage and look forward to tons of more entertaining moments reading here.
    Thanks again for a lot of things.

    my site: Slimy Vita Vital Effect Review

  20. I intended to write you one very small note in order to thank you once again for those stunning
    advice you’ve contributed on this page. It has been really remarkably open-handed with you to grant unhampered all a few people
    could have sold for an e-book to end up making some dough for their own end, especially
    seeing that you might well have tried it in case you
    desired. These suggestions in addition worked to
    be a easy way to understand that most people have similar zeal really like mine to find out significantly more related to this problem.
    I’m certain there are lots of more pleasant occasions up front for folks who look into your site.

    Here is my web-site – bibliodigital.escoladocaminho.com

  21. of course like your website however you have to take
    a look at the spelling on quite a few of your posts. Many of them are rife with
    spelling problems and I find it very troublesome to inform the
    truth on the other hand I’ll surely come back again.

    My site Xoth Keto

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui