Feira de Santana: Como os comerciantes têm resistido aos impactos da pandemia?

Foto: Reprodução Prefeitura Municipal de Feira de Santana

Cidade com comércio pujante, Feira de Santana sente os fortes impactos causados pela pandemia também nesse setor e segue nos esforços para resistir. Desde meados do século XX, Feira se tornou pólo de atividades econômicas e passou a influenciar centenas de municípios da região. Atualmente, possui o maior PIB do interior do Nordeste.

Uma abordagem sobre o cenário geral do comércio de Feira nesses dois últimos anos, além de ser interessante por se tratar de uma das principais questões da cidade, se torna ainda mais propícia com a proximidade do Dia do Comerciante, celebrado a cada 16 de julho.

Qual é a situação atual do comércio de Feira de Santana? Quais são as medidas que os comerciantes da cidade têm tomado para manter seus negócios? A essa altura, o clima é de desânimo ou esperança? Quais segmentos se reinventaram? Como as entidades representativas têm atuado nesse cenário? Como o poder público municipal, estadual e federal têm participado disso? Para responder essas perguntas, sugerimos entrevista com representante da Câmara de Dirigentes Lojistas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui